sábado, 13 de março de 2010

A vastidão da gota de orvalho


"O esclarecimento é como a lua refletida na água. A lua não se molha nem a água se rompe. Embora a lua seja vasta e intensa, pode refletir-se até mesmo numa poça de tamanho ínfimo. A lua e o céu inteiro estão refletidos nas gotas de orvalho sobre a relva ou até mesmo numa gota de água.

O esclarecimento não vos divide, assim como a lua não rompe a água. Não podeis impedir o esclarecimento, assim como uma gota de água não impede a lua no céu.
A profundidade da gota é a altura da lua. Cada reflexo, não importa sua duração, manifesta a vastidão da gota de orvalho, e percebe quão ilimitado é o luar no céu".

Do livro "A Lua numa gota de orvalho" de Ehei Dogen Zenji.

3 comentários:

João Jōken disse...

Maravilhosa gota de orvalho!

Raphael de Souza Araujo Lima disse...

O Todo aqui na gota de orvalho do meu coração...

rosana disse...

O espelho guardado no meu coração aguarda diariamente o nascer da lua no céu.

Gasshô.
Rosana.