sábado, 9 de outubro de 2010

Plena atenção


"Como conduzir o caminho para atingir este objetivo? Eis que a tarefa é difícil! As condições de hoje não são tão distanciadas do passado quanto a distância que separa o céu da terra. Como mesmo nos comparar aos mestres do passado? Porém, aplicando-nos sem medir nosso sofrimento, não há razão para não fazer tão bem e melhor que eles. Se isto não lhe parece evidente, é porque você ainda não clareou seu espírito. Seus pensamentos dispersos galopam como um cavalo selvagem e suas emoções pulam como um macaco de galho em galho. Porém, quando esses fogosos e dispersos pensamentos recuam e retornam sobre si mesmos, em apenas um instante, nossa natureza original toma forma e todas as coisas ficam iguais e em harmonia. É desta forma que giramos as coisas no lugar de sermos girados por elas.”

Mestre Dogen

3 comentários:

Patrícia Melo disse...

Bela mensagem.

A paz está na calma da mente e seus pensamentos e no equilíbrio das emoções, para isso temos que exercitar o desapego ao que é ilusório.

Beijo, namastê.

lilian disse...

Adorei....

rosana disse...

Nos meus sonhos
Cavalgando,
Em pêlo
Sem freios
Nem medo.
Corcel negro
Eu e êle
Mansa Mente
Quieta Mente
Simples Mente.

Grata.
Gasshô.
Rosana.