quinta-feira, 12 de março de 2009

Onde está Buddha?


Por 300 anos após a morte de Buddha, não havia nenhuma imagem dele. A prática das pessoas era um reflexo de Buddha, não havia necessidade de externalizar isso. Mas, com o tempo, assim que a prática foi perdida, as pessoas começaram a colocar o Buddha fora de suas mentes, de volta no espaço-tempo.

Assim que o conceito foi externalizado e imagens, criadas, grandes professores começaram a enfatizar de novo o significado anterior de Buddha.

Há um ditado que diz: "Se você ver o Buddha, mate-o". Bastante chocante para pessoas que oferecem incenso e se devotam na frente de uma imagem com a idéia de um Buddha externo.

Se você tem na mente o conceito de um Buddha fora de você, mate-o, abandone-o.

[...] Buddha Gautama repetidamente lembrava as pessoas de que a experiência da verdade vem de suas próprias mentes.

Joseph Goldstein, "The Experience of Insight". (Postado no blog Samsara)

Um comentário:

Ana Paula Sampaio disse...

Sammasati! É preciso lembrar quem somos... e então seremos buddhas! =)